Estou grávida!

É verdade, 17 semanas depois afirmo que estou grávida.
Ainda não sinto @ bebé, o que é uma pena, nem tão pouco sei se é menino ou menina, talvez saiba dia 21 deste mês.
Sei que até me sentir realmente grávida não foi fácil. Tive perdas de sangue e dores abdominais às 6 semanas de gravidez, que me fizeram temer o pior.
Fui de urgência ao hospital e ouvi, pela primeira vez, o coração d@ bebé. Não foi um momento mágico, foi um momento de alívio – o meu bebé continuava ali! Depois disso seguiram-se três semanas de repouso absoluto, incluindo o Natal – tinha um descolamento de placenta!
A primeira semana passou-se relativamente bem [tirando o dia de Natal que foi passado na cama]. O pior veio na segunda, quando fiz nova ecografia e percebi que, mesmo após uma semana de repouso absoluto, o descolamento estava ainda maior. Inevitavelmente a esperança diminuiu e o medo passou a ser cada vez maior.
Passadas mais duas semanas de repouso absoluto, a placenta voltou a estar em condições e tudo começou, aos poucos, a mudar.
Por volta das 14 semanas comecei a ter um bocadinho de barriga, muito pouco e, mesmo agora com 17, ainda a acho pequenina. Mas faz parte, temos de dar tempo ao tempo e, mais para a frente, ela crescerá. Tenho a sensação que a barriga pequena me facilitará no pós parto 😛
Tenho feito muitas pesquisas por esta internet fora. Tenho visto todo o tipo de artigos para bebé, desde bens essenciais aos mais dispensáveis. Tenho procurado ideias, para me inspirar. E também para não me esquecer de nada do que é essencial antes da chegada d@ bebé, e (claro) para começar a fazer contas à vida porque, pelo que tenho visto, tudo o que seja bem essencial custa balúrdios.

Até agora tenho poucas certezas e muitas dúvidas.
Uma das minhas certezas tem a ver com cores. Não quero um quarto de bebé todo azul nem muito menos todo cor-de-rosa. Quero [queremos porque o meu marido concorda] um quarto com tons neutros: cinzento clarinho, bege… Cores que não cansam.
Aqui vou partilhando um pouco do que vejo e as escolhas que vamos fazendo.
Espero que gostem, que nos sigam e que mandem os vossos bitaites – aceito tudo o que não for ofensivo – porque um blog não serve só para eu mostrar a minha parte, serve também para aprender convosco 😉

Carolina Valente Pereira

Share

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Post comment